Veja a nova grade curricular de São Paulo (2012)

Imprimir

A grade curricular do estado de São Paulo sofreu algumas alterações para o ano de 2012. A última mudança havia sido feita em 2008. Só pra ressaltar, esta grade é obrigatória apenas para as escolas estaduais de SP: as municipais, federais, particulares, confessionais ou comunitárias têm autonomia para elaborar seu próprio horário no regimento escolar.

Colo abaixo o documento na íntegra (já retificado). Quem quiser ver apenas a tabela com a grade curricular, clique no link desejado:

ENSINO FUNDAMENTAL

 


Resolução SE Nº 81/2011

Estabelece diretrizes para a organização curricular do ensino fundamental e do ensino médio nas escolas estaduais

O Secretário da Educação, considerando a necessidade de adequar as matrizes curriculares da educação básica às diretrizes nacionais e às metas da política educacional, resolve:

Artigo 1º - a organização curricular anual das escolas estaduais que oferecem ensino fundamental e ensino médio desenvolver-se-á em 200(duzentos) dias letivos, com a carga horária estabelecida pela presente resolução.

Artigo 2º - o ensino fundamental terá sua organização curricular desenvolvida em regime de progressão continuada, estruturada em 9 (nove) anos, constituída por dois segmentos de ensino (ciclos):

I - anos iniciais, correspondendo ao ensino do 1º ao 5º ano;

II - anos finais, correspondendo ao ensino do 6º ao 9º ano.

Parágrafo único - As unidades escolares que ainda venham a manter, em 2012, a organização curricular seriada, deverão proceder aos ajustes necessários à organização anual ora estabelecida.

Artigo 3º - no segmento de ensino correspondente aos anos iniciais do ensino fundamental, de que trata o Anexo I desta resolução, deverá ser assegurada a seguinte carga horária:

I - em unidades escolares com até dois turnos diurnos: carga horária de 25 (vinte e cinco) aulas semanais, com duração de 50 (cinquenta) minutos cada, totalizando 1.000 (mil) aulas anuais;

II - em unidades escolares com três turnos diurnos e calendário específico de semana de 6 (seis) dias letivos: carga horária de 24 (vinte e quatro) aulas semanais, com duração de 50 (cinquenta) minutos cada, totalizando 960 (novecentas e sessenta) aulas anuais.

Parágrafo único - As aulas das disciplinas de Educação Física e de Arte, previstas nas matrizes curriculares dos anos iniciais, deverão ser desenvolvidas:

1 - com duas aulas semanais, por professor especialista na conformidade do contido no Anexo I, que integra esta resolução;

2 - com acompanhamento obrigatório do professor regente da classe e do Aluno / Pesquisador da Bolsa Alfabetização, quando for o caso;

3 - em horário regular de funcionamento da classe;

4 - pelo professor da classe, quando comprovada a inexistência ou ausência do professor especialista.

Artigo 4º - no segmento de ensino correspondente aos anos finais do ensino fundamental deverá ser assegurada a seguinte carga horária:

I - no período diurno, em unidades escolares com até dois turnos diurnos: carga horária de 30 (trinta) aulas semanais, sendo 6 (seis) aulas diárias, com duração de 50 (cinquenta) minutos cada, totalizando 1.200 (mil e duzentas) aulas anuais, conforme disposto no Anexo II que integra esta resolução;

II - no período diurno, em unidades escolares com três turnos diurnos, apresentando calendário específico e semana de 6 (seis) dias letivos: carga horária de 24 (vinte e quatro) aulas semanais, com duração de 50 (cinquenta) minutos cada, totalizando 960 (novecentas e sessenta) aulas anuais, na conformidade do Anexo III desta resolução;

III - no período noturno: carga horária de 27 (vinte e sete) aulas semanais, com duração de 45 (quarenta e cinco) minutos cada, totalizando 1.080 (mil e oitenta) aulas anuais, sendo que as aulas da disciplina Educação Física deverão ser ministradas fora do período regular de aulas ou aos sábados, conforme dispõe o Anexo IV que integra esta resolução.

Artigo 5º - o ensino médio, desenvolvido em três séries anuais, terá sua organização curricular estruturada como curso de sólida formação básica que abre, para o jovem, efetivas oportunidades de consolidação das competências e conteúdos necessários ao prosseguimento dos estudos em nível superior e / ou à inserção no mundo do trabalho.

Parágrafo único - o ensino médio terá sua matriz curricular organizada:

1 - no período diurno: com carga horária de 30 (trinta) aulas semanais, sendo 6 (seis) aulas diárias, com duração de 50 (cinquenta) minutos cada, totalizando 1.200 (mil e duzentas) aulas anuais, conforme dispõe o Anexo V desta resolução;

2 - no período noturno: com carga horária de 27 (vinte e sete) aulas semanais, sendo 5 (cinco) aulas diárias, com duração de 45 (quarenta e cinco) minutos cada, totalizando 1.080 (mil e oitenta) aulas anuais, observando-se que as aulas da disciplina Educação Física deverão ser ministradas fora do período regular de aulas ou aos sábados, conforme dispõe o Anexo VI que integra esta resolução.

Artigo 6º - Os cursos da modalidade de educação de jovens e adultos, nos ensinos fundamental e médio, observada a organização semestral que os caracteriza, adotarão, respectivamente, as matrizes curriculares objeto dos Anexos IV e VI da presente resolução, exceto com relação às aulas de Ensino Religioso, de acordo com o contido na Resolução SE Nº 21/2002.

Artigo 7º - o Ensino Religioso, obrigatório à escola e facultativo ao aluno, será oferecido aos alunos do 9º ano do Ensino Fundamental, se houver demanda, na conformidade do que dispõe a Resolução SE Nº 21/2002.

Artigo 8º - a Língua Espanhola, obrigatória à escola e facultativa ao aluno, será oferecida, fora do horário regular de aulas, a alunos da 1ª série do Ensino Médio, se houver demanda, de acordo com as disposições da Lei Federal Nº 11.161/2005 e da Resolução SE Nº 05/2010.

Artigo 9º - As matrizes curriculares, constantes dos Anexos que integram esta resolução, deverão ser adotadas a partir do próximo ano letivo, em todos os anos e séries que compõem os ensinos fundamental e médio, respectivamente.

Artigo 10 - Esta resolução entra em vigor na data de sua publicação, ficando revogadas as disposições em contrário, em especial a Resolução SE Nº 98/2008.

ANEXO I

Matriz Curricular Básica para o Ensino Fundamental - Ciclo I – 1º ao 5º ano

Ano

Série

Base
Nacional
Comum

LÍNGUA PORTUGUESA

80%

60%

45%

30%

30%

HISTÓRIA/GEOGRAFIA

-

-

-

10%

10%

MATEMÁTICA

20%

25%

40%

35%

35%

CIÊNCIAS FÍSICAS E BIOLÓGICAS

-

-

-

10%

10%

EDUCAÇÃO FÍSICA/ARTE

-

15%

15%

15%

15%

Total Geral

100%

100%

100%

100%

100%

I - dois turnos diurnos: carga horária de 25 aulas semanais, com duração de 50 minutos cada, totalizando 1.000 aulas anuais

II - três turnos diurnos e calendário específico de semana de 6 dias letivos: carga horária de 24 aulas semanais, com duração de 50 minutos cada, totalizando 960 aulas anuais.

 

 

ANEXO II

Matriz Curricular Básica para o Ensino Fundamental

Ciclo II – 6º ao 9º ano - Período Diurno - 2 Turnos Diurnos

Ano

Série

Base
Nacional
Comum

LÍNGUA PORTUGUESA

6

6

6

6

ARTE

2

2

2

2

EDUCAÇÃO FÍSICA

2

2

2

2

MATEMÁTICA

6

6

6

5

CIÊNCIAS FÍSICAS E BIOLÓGICAS

4

4

4

4

HISTÓRIA

4

4

4

4

GEOGRAFIA

4

4

4

4

ENSINO RELIGIOSO

1

Parte Diversificada

 LÍNGUA ESTRANGEIRA MODERNA

2

2

2

2

Total Geral

30

30

30

30

*Ensino Religioso – Se não houver demanda acrescentar 1 (uma) aula para Matemática

 

 

ANEXO III

Matriz Curricular Básica para o Ensino Fundamental

Ciclo II – 6º ao 9º ano - Período Diurno - 3 Turnos Diurnos

Ano

Série

Base
Nacional
Comum

LÍNGUA PORTUGUESA

5

5

5

4

ARTE

2

2

2

2

EDUCAÇÃO FÍSICA

2

2

2

2

MATEMÁTICA

5

5

5

4

CIÊNCIAS FÍSICAS E BIOLÓGICAS

3

3

2

3

HISTÓRIA

3

2

3

3

GEOGRAFIA

2

3

3

3

ENSINO RELIGIOSO

1

Parte Diversificada

 LÍNGUA ESTRANGEIRA MODERNA

2

2

2

2

Total Geral

24

24

24

24

- Ensino Religioso – Se não houver demanda acrescentar 1 aula para L Portuguesa ou para Matem.
- Semana de 6 dias letivos - 24 aulas semanais - totalizando 960 aulas anuais.

 

 

ANEXO IV

Matriz Curricular Básica para o Ensino Fundamental

Ciclo II – 6º ao 9º ano - Período Noturno

Ano

Série

Base
Nacional
Comum

LÍNGUA PORTUGUESA

6

6

6

6

ARTE

2

2

2

2

EDUCAÇÃO FÍSICA

2

2

2

2

MATEMÁTICA

6

6

6

5

CIÊNCIAS FÍSICAS E BIOLÓGICAS

3

3

3

3

HISTÓRIA

3

3

3

3

GEOGRAFIA

3

3

3

3

ENSINO RELIGIOSO

1

Parte Diversificada

 LÍNGUA ESTRANGEIRA MODERNA

2

2

2

2

Total Geral

27

27

27

27

- Educação Física deve ser oferecida no contraturno ou aos sábados
- Ensino Religioso – Se não houver demanda acrescentar 1 aula para Matemática.

 

 

ANEXO V

Matriz Curricular - Ensino Médio - Diurno

ÁREA

DISCIPLINA

B
A
S
E

N
A
C
I
O
N
A
L

LINGUAGENS E CÓDIGOS
E SUAS TECNOLOGIAS

LÍNGUA PORTUGUESA

5

5

5

ARTE

2

2

2

EDUCAÇÃO FÍSICA

2

2

2

CIÊNCIAS DA NATUREZA
MATEMÁTICA
E SUAS TECNOLOGIAS

MATEMÁTICA

5

5

5

BIOLOGIA

2

2

2

FÍSICA

2

2

2

QUÍMICA

2

2

2

CIÊNCIAS HUMANAS
E SUAS TECNOLOGIAS

HISTÓRIA

2

2

2

GEOGRAFIA

2

2

2

FILOSOFIA

2

2

2

SOCIOLOGIA

2

2

2

PARTE DIVERSIFICADA

LÍNGUA EST MODERNA - INGLÊS

2

2

2

LÍNGUA EST MODERNA - ESPANHOL

2

-

-

TOTAL GERAL

32

30

30

- Língua Espanhola - obrigatória para a escola e facultativa ao aluno, será oferecida, fora do horário regular de aulas, a alunos da 1ª série do Ensino Médio Regular.

 

 

ANEXO VI

Matriz Curricular - Ensino Médio - Noturno

ÁREA

DISCIPLINA

B
A
S
E

N
A
C
I
O
N
A
L

LINGUAGENS E CÓDIGOS
E SUAS TECNOLOGIAS

LÍNGUA PORTUGUESA

4

4

4

ARTE

2

2

2

EDUCAÇÃO FÍSICA

2

2

2

CIÊNCIAS DA NATUREZA
MATEMÁTICA
E SUAS TECNOLOGIAS

MATEMÁTICA

4

4

4

BIOLOGIA

2

2

2

FÍSICA

2

2

2

QUÍMICA

2

2

2

CIÊNCIAS HUMANAS
E SUAS TECNOLOGIAS

HISTÓRIA

2

2

2

GEOGRAFIA

2

2

1

FILOSOFIA

1

2

2

SOCIOLOGIA

2

1

2

PARTE DIVERSIFICADA

LÍNGUA EST MODERNA - INGLÊS

2

2

2

LÍNGUA EST MODERNA - ESPANHOL

2

-

-

TOTAL GERAL

29

27

27

- Língua Espanhola - obrigatória para a escola e facultativa ao aluno, será oferecida, fora do horário regular de aulas, a alunos da 1ª série do Ensino Médio Regular.
- Educação Física deve ser oferecida no contraturno ou aos sábados

Observação
No original não consta dos Anexos V e VI a Língua Espanhola.
O Anexo VI foi retificado em 22/12/2011


Fonte:

Resolução SE 81, de 16-12-2011

retificada em 22/12/2011

http://www.profdomingos.com.br/estadual_resolucao_se_81_2011.html

 

Última atualização em Seg, 09 de Janeiro de 2012 10:52  


Para que serve a educação?
 

Selecione uma palavra-chave

Artigos mais lidos desta categoria

Lei do bônus para professores em São Paulo (texto completo da lei complementar 1078/08)

Políticas públicas de educação
Há poucos dias Serra sancionou a chamada "lei do bônus". Antes de qualquer análise ou comentário, vamos disponibilizar o texto todo da lei. Encontrá-lo na rede não é tão fácil quanto deveria s...(53953)

Plano Nacional de Educação 2011-2020 (texto completo com índice de metas)

Políticas públicas de educação
O novo Plano Nacional de Educação foi apresentado hoje (15/12) pelo ministro da Educação Fernando Haddad ao presidente Lula. O projeto de lei descreve, dentre outras coisas, as 20 metas para a...(46533)

Grade curricular 2009: a secretaria de Educação de São Paulo publica resolução que fere autonomia das escolas e professores, diz APEOESP

Políticas públicas de educação
A análise da resolução está no site da apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo), e foi colada mais abaixo. Fiz um índice para agilizar a consulta. OBSERV...(45739)

ENEM 2009: Matriz de referência - todas as áreas - com índice de competências

Políticas públicas de educação
O Enem traz muitas novidades, das mais bem vindas às duvidosas. Avaliamos um aspecto positivo da mudança que é voltar a valorizar a cultura escolar, necessidade que identificamos em artigo ant...(27730)

Projeto de lei limita número de alunos por sala de aula

Políticas públicas de educação
DEU NA AGÊNCIA BRASIL:CCJ da Câmara aprova projeto que limita número de alunos em sala Amanda Cieglinski "Brasília - Um projeto que limita o número de alunos por sala de aula nas escolas púb...(27174)